• redacaosmartbusine

Brasil é o 6º país que mais perde milionários no mundo


Brasil é o 6º país que mais perde milionários no mundo

Estudo aponta que país teve uma perda de 2.500 milionários em 2022, número próximo ao que a Ucrânia perdeu neste ano.




Ao analisar o fluxo de milionários no ano de 2022, o Brasil é o 6º país com a pior posição do ranking, com uma perda de -2.500 milionários.


É o que revela um estudo da plataforma de descontos CupomValido.com.br, com dados da Statista e Henley Global sobre a imigração de milionários no mundo.

O fluxo de migração de milionários entre países é um excelente barômetro para medir a saúde de uma economia.


Por possuir extrema mobilidade, os indivíduos com este nível de patrimônio conseguem escolher os melhores países, e imigrar com maior facilidade.


O baixo nível de criminalidade, impostos competitivos, oportunidade de atrair negócios e robustez econômica, são alguns dos fatores para a escolha de um país.



Os países que mais ganham milionários

Os Emirados Árabes Unidos é o país que mais atraí milionários no mundo. Antes da pandemia, o país atraia uma média de 1.000 milionários por ano. Porém, neste ano de 2022, o país atraiu aproximadamente 4.000 milionários.


Alguns dos principais fatores que fazem com que os indivíduos se mudem para os Emirados Árabes Unidos, são: forte economia, impostos competitivos, mercado crescente em vários importantes setores, como o imobiliário, petrolífero e turístico.

Em segundo lugar, está a Austrália, com um aumento de 3.500 milionário no ano. Um fator de destaque que atrai muitos milionários para a Austrália é o sistema de saúde de primeira classe.


Por fim, Singapura fica em terceiro lugar, com um fluxo positivo de 2.800 milionários, e se destaca como o país da Ásia que mais atraiu milionários em 2022.




Os que mais perdem

Com o temor das consequências da guerra, a Rússia é o país que mais perde milionários em 2022. O país tem uma perda de -15.000 milionários, o que representa uma queda de 15% do total de milionários no país.


A China e a Índia ficam em segundo e terceiro lugar, com uma perda de -10.000 e -8.000 milionários, respectivamente. Pelas diversas ondas de protestos, Hong Kong fica em quarto lugar, com uma perda de -3.000 milionários.


A Ucrânia fica em quinto lugar, com uma perda de -2.800 milionário, o que representa uma queda bem significativa de -42% do total de milionários no país.


Logo após a Ucrânia, está o Brasil, com uma perda de -2.500 milionários em 2022. Este valor representa uma queda de -2% do total de milionários no país. Os principais países destinos dos brasileiros milionários são Estados Unidos e a Europa (especialmente Portugal).

países que mais perderam milionários em 2022

Fonte: Statista, CupomValido.com.br, Henley Global



Fonte: Assessoria de Imprensa

Fale com a gente:

redacao.smartbusiness@gmail.com